TUMMYTOX blogs.

Como o desequilíbrio das “hormonas da felicidade” podem impactar o teu bem-estar mental

Por vezes, tens a sensação de que os dias alegres, cheios de sorrisos, são apenas uma lembrança distante? Também podes sentir que não consegues ser tão produtiva como antes e que a tua motivação desapareceu completamente. Ou que todos os dias da semana estão a transformar-se numa eterna repetição das mais chatas segundas-feiras.

Todas nós já passámos por isso e sabemos como esses sentimentos podem ser difíceis. Não é nada fácil não saber a razão por te sentires assim.

How hormonal imbalance may be impacting your mental wellbeing

As origens do mau-humor e as "hormonas" da felicidade 

Há diversos fatores que podem impactar a tua saúde mental e bem-estar, fazendo-te acordar com o "pé esquerdo".

Alguns são mais fáceis de identificar: os desafios pessoais, os desentendimentos com o parceiro, os dramas no trabalho, tentar equilibrar a vida profissional e pessoal, o stress. Já outros podem passar despercebidos: o cansaço sazonal, a TPM, a falta de sol e de vitamina D, a dieta, a genética, alterações hormonais, ou neurotransmissoras.

O nosso estado emocional de alegria e bem-estar é influenciado por quatro substâncias químicas especiais do cérebro, conhecidas como as 'hormonas da felicidade': a hormona oxitocina, e os neurotransmissores dopamina, serotonina e endorfinas.

Mas como exatamente funcionam essas substâncias no nosso cérebro?

  • A dopamina está envolvida na regulação do humor, movimento e função cognitiva: atenção, aprendizado e memória. Além disso, ela desempenha um papel essencial no sistema de recompensa, motivando comportamentos gratificantes e prazerosos.
  • A serotonina desempenha um papel importante no regulação do humor, sono, apetite e função cognitiva (aprendizado, memória e tomada de decisões). Além disso, está envolvida na regulação da ansiedade e na modulação da dor.
  • A endorfina ajuda a aliviar a dor e promover sentimentos de prazer e bem-estar. Ela funciona como um analgésico natural, reduzindo a perceção da dor e promovendo uma sensação de euforia ou contentamento
  • A oxitocina é liberada em várias situações: o parto, amamentação e o contacto físico íntimo. A oxitocina promove a confiança, empatia e generosidade em relacionamentos sociais. Essa hormona desempenha um papel importante no fortalecimento dos laços interpessoais e na redução do stresse, contribuindo para uma sensação de calma e bem-estar emociona.

Os sintomas de desequilíbrio ou disfunção nas "hormonas da felicidade" incluem ansiedade, tristeza, dificuldade de concentração, sensação de nevoeiro cerebral, fadiga, dificuldade em acalmar-se e distúrbios do sono, seja dormir demasiado ou não o suficiente, e até baixa libido. Mas não se preocupes, não é nada que não possa ser resolvido.

5 dicas para estimular as tuas "hormonas" da felicidade

Existem alguns “remédios” naturais que podem ajudar a trazer o sorriso de volta.

1. Rir é o melhor remédio

Mesmo quando não te sentes no teu melhor, um verdadeiro amigo pode sempre te fazer rir, por vezes até às lágrimas.

Cientificamente, o riso aumenta os teus níveis de endorfina, enche os teus pulmões de oxigénio e estimula o coração e os músculos. É claro que rir não cura problemas físicos, mas pode aliviar a ansiedade e o stress, além de aumentar o bom humor, estimulando a dopamina e as endorfinas.

Por isso, pega o teu telemóvel, liga às tuas amigas e encontra-te com elas para beber uns copos e jogar um jogo de tabuleiro, ou simplesmente relaxa no sofá e vê um filme (sugerimos Uma Família à Beira de um Ataque de Nervo).

2. Apanha um pouco de luz solar

Passar algum tempo ao sol é como dar ao teu cérebro um grande abraço de serotonina. Este neurotransmissor pode melhorar o teu humor e ajudar-te a sentires-te mais calma e concentrada, para que possas completar facilmente todas as tuas tarefas diárias. Inclui uma caminhada diária de pelo menos 15 minutos, mas não te esqueças do protetor solar!

3. Pratica atividades físicas

A atividade física faz realmente maravilhas pela sua saúde geral.

A atividade física, seja um treino no ginásio ou um passeio no parque, ajuda no teu estado emocional, pois liberta endorfinas.

E não acaba aqui - se incluíres o exercício na tua rotina diária, podes aumentar os teus níveis de dopamina e serotonina. Podes começar devagar com caminhadas, correr alguns quilómetros por dia, fazer um pouco de ioga ou Pilates, e depois passar gradualmente para o levantamento de pesos (em casa ou no ginásio, como preferires).


A atividade física faz realmente maravilhas pela tua saúde geral.

4. Quem bem come e bem bebe, bem vive

Conhece o ditado “o amor passa pelo estômago”? Eu acrescentaria: A felicidade também. Comer uma refeição deliciosa pode aumentar os teus níveis de dopamina e endorfina. Para uma dose adicional de oxitocina, mima-te um pouco, vai ao teu restaurante favorito. Podes também preparar um jantar romântico para o teu parceiro ou convida alguns amigos para uma refeição saborosa (e dá umas boas gargalhadas também!).

5. Experimenta suplementos

Existem alguns “remédios” naturais que podem ajudar a trazer o sorriso de volta.

  • O extrato de chá verde pode ajudar a aumentar a dopamina e a serotonina;

  • Os probióticos cuidam de um intestino saudável e também ativam a liberação de serotonina e dopamina;
  • O extrato de açafrão é um excelente estimulante do humor, ajudando-te a ficar mais calma e otimista;
  • O triptofano ajuda a desencadear a libertação de serotonina;
  • A Rhodiola rosea tem sido tradicionalmente utilizada para ajudar na produtividade e aliviar o stress;
  • O Ginko é utilizado há séculos na medicina tradicional chinesa e em outras culturas por seus supostos benefícios à saúde, incluindo o suporte à memória e à cognição. 

Descobre o Emotional Balance da TummyTox

Este não é apenas um simples suplemento. Tendo em conta a estabilidade emocional e a saúde da mulher, formulámos um potente estimulante do humor à base de extratos naturais.

Concebido para aumentar a produção de moléculas cerebrais essenciais para melhorar a sensação de bem-estar e promover um estado de espírito positivo com poderosos extratos naturais

O que o torna tão eficaz?

Não escolhemos um extrato de açafrão qualquer. Procurámos em todo o lado um extrato de açafrão patenteado e altamente eficaz, o Safr'Inside™.

Podemos dizer com orgulho que esta especiaria foi clinicamente testada e provou ser uma bomba de positividade. Em apenas 15 dias, 77*% dos participantes num estudo confirmaram sentir-se mais otimistas, 69*% disseram que estavam mais relaxados e uns impressionantes 75*% sentiram que o seu equilíbrio emocional melhorou.

E não é tudo. Tendo em conta todos os estudos científicos, juntámos a este produto duas outras delícias da felicidade. Para aliviar o stress e equilibrar as hormonas da felicidade, reforçámos a nossa fórmula com Rhodiola rosea e extrato de Ginkgo.

Para reduzir o cansaço - experimentado por todas nós, mulheres multi tarefas - os minerais e as vitaminas essenciais são a chave. As cápsulas Emocional Balance estão repletas de magnésio, zinco, selénio e vitaminas C, D3 e do complexo B, o que torna esta fórmula imbatível na ajuda para o teu bem-estar e melhor humor.

A propósito, não diríamos que somos os melhores se não colocássemos todos os nossos esforços (e conhecimentos) neste produto. Para a biossíntese de moléculas cruciais para a felicidade, adicionámos GABA, L-triptofano, L-fenilalanina e L-tirosina para apoiar totalmente a tua estabilidade emocional.


Se queres saber se é possível diminuíres as oscilações de humor, estares menos ansiosa e mais positiva? A resposta curta é sim. O Emotional Balance está aqui para salvar o dia. Começa o teu dia com o pé direito e atinge todos os teus objetivos diários com facilidade.

Fontes:

Noorbala, A. A., Akhondzadeh, S., Tahmacebi-Pour, N., & Jamshidi, A. H. (2005). Hydro-alcoholic extract of Crocus sativus L. versus fluoxetine in the treatment of mild to moderate depression: A double-blind, randomized pilot trial. Journal of Ethnopharmacology, 97(2), 281–284. https://doi.org/10.1016/j.jep.2004.11.004

Pirdadeh Beiranvand, S., Shams Beiranvand, N., Behboodi Moghadam, Z., Birjandi, M., Azhari, S., Rezaei, E., Nazar Salehnia, A., & Beiranvand, S. (2016). The effect of Crocus sativus (saffron) on the severity of premenstrual syndrome. European Journal of Integrative Medicine, 8(1), 55–61. https://doi.org/10.1016/j.eujim.2015.06.003

Agha‐Hosseini, M., Kashani, L., Aleyaseen, A., Ghoreishi, A., Rahmanpour, H., Zarrinara, A., & Akhondzadeh, S. (2008). crocus sativus L. (saffron) in the treatment of premenstrual syndrome: A double‐blind, randomised and placebo‐controlled trial. BJOG: An International Journal of Obstetrics & Gynaecology, 115(4), 515–519. https://doi.org/10.1111/j.1471-0528.2007.01652.x

Produtos para ti

-14%
Preço especial 23,99 € Preço regular 27,99 € As low as 21,99 €
Ver produto
Alívio do stress
-36%
Preço especial 17,99 € Preço regular 27,99 € As low as 17,90 €
Ver produto